Finanças pessoais: não seja escravo do dinheiro | Phi Investimentos

Finanças pessoais: não seja escravo do dinheiro

Finanças pessoais: não seja escravo do dinheiro

“Não nos tornamos ricos graças ao que ganhamos, mas com o que não gastamos.”
Henry Ford

“Desejo que você ganhe dinheiro, pois é preciso viver também. E que você diga a ele pelo menos uma vez quem é mesmo o dono de quem”. Com a citação a música do Barão Vermelho, Amor pra Recomeçar, o programa Light News entrevistou no dia 26/01 Mehanna Mehanna, Sócio-diretor da TORO Investimentos. Em pauta, dicas para limpar o nome, buscar o equilíbrio financeiro e investir.

O entrevista já inicia em grande ritmo, ao relembrar a importância de buscar a riqueza que liberta, e não o dinheiro que aprisiona. Para quem trabalha e investe apenas buscando o status que o dinheiro pode trazer, o destino pode acabar sendo o de se tornar refém do dinheiro. O verdadeiro mérito está em fazer o dinheiro trabalhar por você (e não o contrário).

Para isso, a principal dica é libertar-se de pequenos gastos e desejos da rotina e poupar dinheiro para a realização de grandes sonhos. Na sociedade de consumo típica atual, sai à frente quem consegue ter disciplina para estipular metas e prioridades pessoais, e foco para alcançar os próprios objetivos financeiros. Sem esperar receitas prontas. Cada sonho é diferente, por isso, coloque o seu como prioridade.

Alcançada a disciplina financeira, o próximo passo é entender o seu perfil de investidor e a fase de vida, para então traçar os seus objetivos. Para isso, a ferramenta www.perfildoinvestidor.com.br, desenvolvida pela TORO Investimentos, é uma aliada. Disponível gratuitamente, em poucos minutos, você traça o seu perfil de acordo com a sua tolerância a risco.

Na mesma entrevista, Mehanna relembra também alguns dos investimentos adequados para diferentes perfis e explica melhor o funcionamento dos títulos públicos, um dos excelentes investimentos para o atual momento no Brasil. Em comparação com o momento da economia e os desafios – que, como se sabe, serão muitos este ano – a regra é buscar ainda mais o equilíbrio para não se afundar nas dívidas, que estão cada vez mais caras neste cenário de alta de juros e pressão inflacionária. Confira a entrevista completa no link acima e um excelente planejamento financeiro para você!


Escrito por Larissa Moutinho, jornalista MTB 6805-PR, assessora responsável pela comunicação da TORO Investimentos. Foi editora da Revista ADVFN e jornalista da InvestMais. Pós-graduada em marketing e pós-graduanda em finanças.

Related posts

InvestSim: 1º Simpósio de investimentos debate as principais oportunidades em investimentos no Brasil

Realizado nesta segunda-feira, 03, pela PHI Investimentos em parceria da Guide Investimentos, o  I° Simpósio de Investimentos do Paraná – INVESTSIM reuniu em um único dia, 500 participantes e 15 palestrantes de destaque no mercado financeiro nacional que juntos são responsáveis pela gestão de mais de R$100 bilhões. O...

Read More

Qual é o valor mínimo para investir?

Um dos maiores mitos sobre investimentos é a ideia de que é necessário ter uma grande quantia de dinheiro sobrando para começar a investir. Porém, é possível sair da poupança e aprofundar-se no mundo dos investimentos com muito pouco. Uma das principais dúvidas de investidores iniciantes é quanto ao valor...

Read More

Give a Reply