BLOG

Comprar Imóveis ou investir em Fundos Imobiliários?

Publicado em
Entenda o funcionamento de cada um, assim como suas principais vantagens, e descubra qual a melhor opção ao levar em conta segurança e rentabilidade.
Comprar imóveis ou investir em fundos imobiliários

Comprar imóveis na intenção de gerar renda é algo cultural no Brasil, cuja população acredita ser a fonte mais segura e rentável para construção de um patrimônio sólido. No entanto, com a ascensão dos mercados financeiros nos últimos anos, abriu-se espaço para os Fundos Imobiliários (FIIs), alternativa versátil e acessível.

Afinal, o que são Fundos Imobiliários?

Fundos Imobiliários ou FIIs são cotas do segmento imobiliário negociadas na Bolsa de Valores, na qual garante transparência às negociações e maior liquidez.  São recursos aplicados em prédios comerciais, rede de hotéis, shoppings, entre outros, estes chamados de Fundo de Tijolos, caracterizando as melhores oportunidades. Consoante a isso, os investimentos em instrumentos financeiros com lastro, como o LCI (Letra de Crédito Imobiliário), LH (Letra Hipotecária) ou CRI (Certificado de Recebíveis Imobiliários), denominados Fundos de Papel, melhores apostas para operações financeiras de curto prazo.

Nesse sentido, é fundamental ressaltar a diversificação trazida pelos FIIs nas carteiras de investimentos, devido aos diversos segmentos de locação supracitados, tonando viável classes inacessíveis de forma direta.

Além disso, tal produto financeiro enquadra-se como ótima opção para o investidor que está em dúvida sobre qual tipo de investimento aportar, dado que os fundos imobiliários são mais seguros do que as demais categorias da renda variável no curto prazo e mais lucrativos do que as opções ofertadas pela renda fixa.

Em síntese, FIIs tornam-se a melhor alternativa para os que buscam renda recorrente a partir de aluguéis pagos por inquilinos já instalados, isenção de Imposto de Renda e auxílio profissional ao investir.

Quanto a investimento direto em imóveis, quando é mais interessante?

A compra de imóveis, por outro lado, é ideal para o investidor que procura maior ganho de capital, uma vez que existe a possibilidade de valorização e formação de terrenos que podem ser arrendados. Ademais, torna-se opção favorável àqueles que buscam aquisições imobiliárias em regiões específicas do município. Assim, é possível concluir que a escolha dependerá das projeções, expectativas e situação financeira de cada um.

Quais as principais vantagens na compra de FIIs e imóveis?

 Fundos ImobiliáriosImóveis
Garantia de gestão profissional Isento de taxas de administração 
Liquidez e agilidade em compra e venda Liberdade ao escolher, quanto a preços e localização 
Baixa burocracia na aquisição de cotas Melhor negociação em pagamentos à vista 
Baixo valor de investimento Possibilidade de valorização à longo prazo
Isenção de IR no recebimento de dividendos Isenção de IR em casos específicos 

Agora que você conhece o funcionamento desses dois tipos de investimento e suas principais vantagens, conheça os ativos que temos disponíveis e comece a investir agora. Clique aqui e acesse.

Por Aline Isabela Fernandes. Estagiária do Estúdio de Phinanças e Graduanda em Economia pela PUCPR, sob orientação da Prof° Dra. Andréia Ribeiro da Luz

COMPARTILHAR
VEJA TAMBÉM
Sem categoria
23/05/2024

Seja anti-crise: proteja seu patrimônio com investimento certo

Sem categoria
16/05/2024

Nosso hiperfoco é a excelência em investimento

Sem categoria
09/05/2024

Equilibrando o tripé do investimento: liquidez, risco e rentabilidade

sucesso financeiro
02/05/2024

Diversifique sua carteira: O segredo para o sucesso financeiro

h2

Para receber materias sem custo e informações sobre o Curso, entre no grupo

h1 (1)

Você vai saber em primeira mão quando uma nova turma estiver disponível!

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais em nossa Política de Privacidade.