Blog

O mercado financeiro em posts que valem a sua atenção

Organização financeira para 2022: comece agora!

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Falta pouco para a chegada de 2022 e se você enfrentou dificuldades financeiras neste ano, está na hora de deixar isso para trás. Afinal, esse é o momento perfeito para começar uma organização financeira para 2022, fazendo uma análise das suas finanças, renegociando dívidas e se planejando para entrar no próximo ano com o pé direito.

Quer saber como organizar sua vida financeira na prática? Nós vamos te ensinar a seguir!

10 dicas de organização financeira para 2022

Você sabia que o Brasil bateu o recorde de endividamento em 2021? Segundo a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), 74,6% das famílias se endividaram. E a pergunta que a maioria delas deve estar se fazendo é: como organizar sua vida financeira?

A seguir vamos te passar algumas dicas práticas para te ajudar a fazer uma organização financeira para 2022 e quitar suas dívidas quanto antes.

Defina objetivos

A primeira coisa que você deve fazer se a sua meta é organizar sua vida financeira é definir metas. Independente de quais sejam, suas metas servirão como guia. Afinal, são elas que vão apontar qual caminho você deve seguir para alcançar seus objetivos no próximo ano.

Para isso, basta perguntar o que você quer fazer no próximo ano que demanda um planejamento financeiro?

  • Um curso?
  • Uma viagem?
  • Acabar com todas as suas dívidas?
  • Comprar um carro?
  • Mudar de casa?
  • Criar uma reserva de emergência?
  • Se preparar para a aposentadoria?

Saiba qual é a sua realidade financeira

Ao mesmo tempo, em que as metas e objetivos precisam ser definidos, também é fundamental saber qual é a sua realidade financeira. Afinal, é preciso ter certeza de que as suas metas atuais se encaixam no seu padrão de vida nesse momento.

Infelizmente alguns sonhos são mais difíceis de serem alcançados e, para isso, pode ser necessário se preparar por mais tempo. Mas vale ressaltar que não estamos te dizendo que é preciso desistir deles, mas sim ter maior cautela e planejamento. Até porque, a meta aqui é a organização financeira para 2022 e não aumentar as dívidas e prejudicar o orçamento.

Anote todas as despesas e gastos

Você sabia que muitas pessoas gastam mais do que recebem todos os meses? Nós entendemos que existem casos em que isso acaba sendo uma necessidade. Mas, neste momento, estamos falando sobre aquelas pessoas que acabam se colocando nessas situações por gastarem o dinheiro de forma compulsiva.

Por isso, se você quer saber como organizar sua vida financeira, uma das principais dicas é fazer um registro de todos os seus gastos. Isso vale para tudo, desde o cafezinho, até a conta de luz.

Quando você sabe exatamente quais são as suas despesas, seu controle financeiro aumenta. Com isso, você saberá se a sua renda consegue manter seu estilo de vida e se não conseguir, saberá quais gastos podem ser cortados.

Essa tarefa pode ser feita no papel ou em aplicativos, por exemplo. Com eles pode ficar ainda mais fácil saber quanto de dinheiro entra e sai da sua conta.

Acabe com os gastos desnecessários

Agora que você já entende o que é essencial no seu orçamento e o que não é, está na hora de fazer cortes. Você não está mais assistindo aquele serviço de streaming ou tem o costume de comprar lanches por delivery com frequência? Esses são alguns gastos que podem ser cortados.

Em um primeiro momento, pode ser difícil realizar esses cortes. Mas, quando você sabe exatamente quanto está economizando, especialmente considerando o longo prazo, fica mais fácil optar por guardar esse dinheiro.

Guarde dinheiro

E por falar em guardar dinheiro, é claro que essa também é uma das dicas sobre como organizar sua vida financeira. Afinal, quando você começa a economizar, o dinheiro começa a sobrar e você vai fazer o que com ele? Gastar? Não! Você deve guardá-lo para montar a sua reserva de emergência ou investi-lo.

É claro que nós não estamos dizendo que você não pode mais usar seu dinheiro para aproveitar a vida, mas isso pode ser feito com planejamento. Uma forma de se planejar para isso é utilizar o método 50-15-35. Ele funciona da seguinte forma:

  • 50% do seu salário é destinado a gastos essenciais;
  • 35% para manter seu estilo de vida;
  • 15% para prioridades financeiras, como investimentos e pagamento de dívidas.

Tenha uma reserva de emergência

Se você ainda não tem, já passou da hora de montar uma. Como o nome sugere, a reserva de emergência é uma quantia de dinheiro reservada para ser usada em casos de emergência.

Você ficou doente? Sofreu um acidente? O carro quebrou? Essas situações são alguns exemplos de imprevistos que podem acontecer e que podem demandar uma grande quantia de dinheiro rapidamente.

E é justamente para esses momentos que a reserva de emergência existe. Afinal, ela evita que você use o cartão de crédito e faça novas dívidas. Sem falar que saber que há uma quantia destinada para esse tipo de situação te dá maior segurança no dia a dia.

Coloque na ponta do lápis todas as suas dívidas

Se você deseja entrar em 2022 sem dívidas ou ao menos com um plano para quitar todas elas, é fundamental reconhecer qual é o valor total delas. Afinal, para conseguir sair do vermelho, é preciso primeiro saber quanto da sua renda mensal está comprometida para quitar essas dívidas.

Para isso, você deve somar todas elas, independente do valor e prazo. Sendo assim, você precisa saber exatamente:

  • Quanto deve (com valores atualizados)?
  • Para quem deve?
  • Há quanto tempo deve?

Negocie suas dívidas

Quem quer alcançar a organização financeira para 2022, mas ainda sofre com as dívidas, pode tentar negociar com os credores novas condições de pagamento. Essa é, inclusive, uma excelente estratégia para se recuperar mais rapidamente dos problemas financeiros.

Procure as instituições para quem você deve e verifique a possibilidade de ter descontos com relação ao valor. Mas só faça isso quando já souber exatamente quanto pode destinar da sua renda mensal para o pagamento das dívidas. Caso contrário, você pode acabar devendo ainda mais dinheiro.

Use o 13º para sanar dívidas

Se você quer eliminar suas dívidas antes de 2022, uma ótima ideia é usar o 13º para quitá-las. E mesmo se o valor não zerar todas elas, ele já pode reduzir bastante o montante e diminuir as próximas parcelas.

Se esse for o seu caso e você precisar decidir quais são as dívidas que você vai quitar primeiro, dê preferência para as que têm taxas de juros maiores, como é o caso do cartão de crédito, por exemplo.

Estude educação financeira

Se você quer saber como organizar sua vida financeira, essa definitivamente deve ser uma das suas metas para 2022. Afinal, sem conhecimento, é difícil mudar hábitos antigos e crescer financeiramente.

Felizmente, para te ajudar, existem vários cursos online, vídeos no Youtube e demais conteúdos que podem te ensinar a controlar seu dinheiro, dividir o orçamento e até mesmo investir. Mas é claro que é preciso ter cuidado com as fontes consultadas.

Aqui no nosso blog, por exemplo, nós damos várias dicas para quem está começando a colocar a vida financeira nos eixos e deseja investir.

E se você também está pensando em começar a investir em um futuro não tão distante, clique aqui e conheça a Phi Investimentos.

VEJA TAMBÉM

Entenda o que é PGBL e como reduzir o imposto de renda ao optar pelo plano

13/12/2021

Está procurando formas de reduzir o Imposto de Renda do ano que vem? Vamos te explicar tudo o que você precisa saber sobre o PGBL e por quê ele pode ser a solução ideal para você.

Comece 2022 investindo estrategicamente e descubra os investimentos mais indicados

08/12/2021

Confira quais são os três melhores investimentos para 2022, o que vai afetar o mercado financeiro no próximo ano e no que você precisa estar atento na hora de investir.

Primeiros passos para quem deseja investir no Tesouro Direto

01/12/2021

Aprenda agora tudo que você precisa saber sobre como investir no Tesouro Direto e veja o passo a passo para quem ainda é iniciante no mercado financeiro

A Phi Investimentos é uma empresa de Agentes Autônomos – AAI de Investimento devidamente registrada na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), na forma da Resolução CVM 16/21. A Phi Investimentos atua no mercado financeiro através da Guide Investimentos S.A., o que pode ser verificado no site da ANCORD. Na forma da legislação da CVM, o agente autônomo de investimento não pode administrar ou gerir o patrimônio de investidores. O AAI é um intermediário e depende da atualização prévia do cliente para realizar operações no Mercado Financeiro. Em caso de dúvidas e reclamações, favor contatar a Ouvidoria da Guide Investimentos no telefone 0800 704 0418.

[B]³ | BSMCVM

Selo Agro Broker
Selo Execution Broker
Selo Nonresident Investor Broker
Selo Retail Broker
Selo B3 Certifica
Selo Anbima - Distribuição de Produtos de Investimento
Selo Anbima - Administração Fiduciária
Selo Anbima - Gestão de Patrimônio
Selo Anbima - Gestão de Recursos
Selo Autorregulação Anbima

Invista agora

Olá, futuro cliente,

Em apenas dois passos, você garante uma das melhores assessorias gratuitas de investimentos do Brasil e começa a investir em uma das maiores corretoras da América Latina! E o melhor: é 100% digital, sem custos de abertura e manutenção de conta! Vamos lá?

Este site é protegido pelo Google reCAPTCHA. A Política de Privacidade e Termos de Serviço do Google se aplicam.

Agradecemos a confiança!

Foi super fácil não é mesmo? Agora, clicando no botão abaixo você será redirecionado para o link de abertura de conta da nossa corretora, a Guide.

Trabalhe conosco!